terça-feira, 31 de maio de 2011

Garotinho propõe trocar convocação de Palocci por piso nacional para PMs







‘Palocci é diamante que custa R$ 20 milhões’, disse deputado.
Ele falou em lançamento de frente parlamentar em defesa da proposta.

Robson Bonin
Do G1, em Brasília

O deputado Anthony Garotinho (PR-RJ) convocou nesta terça (31) os deputados que defendem a proposta de um piso salarial nacional para policiais e bombeiros dos estados, objeto da proposta de emenda constituicional 300 (PEC 300), a utilizarem a convocação do ministro-chefe da Casa Civil, Antonio Palocci, como moeda de troca na negociação da matéria com o governo.
Ele fez a proposta ao discursar durante o lançamento da Frente Parlamentar de Defesa da PEC 300 nesta terça-feira (31), no plenário Nereu Ramos.
“O momento político é esse. Hoje, para o governo, a pedra preciosa, um diamante que custa R$ 20 milhões, se chama Antonio Palocci. Vamos trocar a convocação pela PEC 300 e ver qual é o deputado federal que realmente defende o movimento da PEC”, discursou Garotinho.
Aplaudido por cerca de 200 policiais que participavam do lançamento da frente parlamentar, Garotinho lembrou a estratégia utilizada pela bancada evangélica para fazer com que o governo recuasse na proposta de distribuir um kit anti-homofobia nas escolas.Desde a crise envolvendo a evolução patrimonial do ministro da Casa Civil, a base governista no Congresso vem atuando para evitar que a oposição consiga convocar Palocci para falar sobre sua evolução patrimonial nas comissões da Câmara ou do Senado. Segundo reportagem do jornal "Folha de S.Paulo", Palocci teve o patrimônio multiplicado por 20 entre 2006 e 2010, período em que exerceu mandato de deputado federal e coordenou a campanha presidencial de Dilma Rousseff.
“A bancada evangélica pressionou, e o governo retirou o kit gay. Vamos ver agora quem é da bancada da polícia. Ou vota a PEC no plenário da Casa ou aprovamos a convocação do Palocci”, afirmou Garotinho.
O deputado disse que fez a proposta durante o lançamento da frente parlamentar porque identificou deputados da base governista no evento que teriam de demonstrar se defendem, de fato, a PEC 300.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário, ele é muito importante!

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO