sábado, 25 de agosto de 2012

Marinha continua a buscar monomotor que sumiu no Rio





O terceiro dia de buscas pelo monomotor desaparecido na zona sul do Rio de Janeiro transcorre sem o apoio da Força Aérea Brasileira. Na tarde da quinta-feira, a FAB localizou uma peça da aeronave a 4 quilômetros da costa. Uma equipe da Marinha segue com a varredura nesta sexta-feira.

De acordo com a FAB, após localizar a tampa do monomotor, modelo PA-46, houve a confirmação de que a aeronave afundou no mar e, por isso, suspendeu as buscas nesta sexta-feira, já que a ação é feita de forma visual. O 1º Distrito Naval da Marinha segue com a procura.

O monomotor desapareceu logo após a decolagem, às 19h35 de terça-feira, no aeroporto de Jacarepaguá, zona oeste do Rio, de onde seguiria para o aeroporto de Campo de Marte, na zona norte em São Paulo. O tempo de duração da viagem é estimado em 1h15.

A bordo da aeronave estavam o piloto, Fernando Rubinho Lopes, de 36 anos, e o passageiro foi identificado como Francisco Fernandes, empresário e proprietário do avião. A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) informou que o monomotor pertence a uma empresa particular e sua documentação estava regular. Nenhum chamado de emergência foi registrado pelos dois aeroportos.

Agência Estado - Estado de Minas

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário, ele é muito importante!

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO