sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Mulheres de militares protestam por reajuste no desfile de 7 de Setembro





'É data estratégica para mostrarmos indignação', diz presidente de entidade.
Elas reclamam de aumento de 30% em três anos concedido pelo governo.

Mulheres de militares das Forças Armadas protestam contra reajuste concedido pelo governo
 (Foto: Iara Lemos / G1)

Mulheres de integrantes das Forças Armadas protestaram na manhã desta sexta-feira (7), antes do desfile do 7 de Setembro, por maior reajuste salarial aos militares. Posicionadas no primeiro palanque destinado aos populares depois do espaço das autoridades, elas mostram faixas para aqueles que vão desfilar e também para atrair a atenção da presidente Dilma Rousseff.

"É uma data estratégica porque é o momento que o Brasil consegue mostrar sua indignação", afirmou a presidente da União Nacional das Esposas de Militares das Forças Armadas Brasileiras, Ivone Luzardo.

As mulheres dos militares reclamam do reajuste concedido de 30% nos próximos três anos. Elas pedem reposição referente a perdas salariais de 135%.

Outra faixa, critica o PT, partido da presidente: "Acorda, Brasil. Militar, não votem no PT. Eles querem acabar com você."

Por Iara Lemos, Nathalia Passarinho e Priscilla Mendes

Fonte: G1 DF




0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário, ele é muito importante!

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO