sábado, 13 de outubro de 2012

Em reforma, maior emergência do RS atende só casos graves




 A emergência do Hospital Conceição, em Porto Alegre, a maior do Rio Grande do Sul, está atendendo somente casos graves. Com as obras no local, os pacientes estão buscando outras instituições. A expectativa é de demora no atendimento depois do feriadão de Nossa Senhora Aparecida, como mostra a reportagem do RBS Notícias (veja o vídeo).
No hospital, os corredores e os leitos estão vazios. A superlotação habitual deu lugar ao trabalho de reforma para a substituição das redes elétrica e hidráulica. Nos próximos 30 dias, a chamada sala verde, que atende pacientes de baixa e média complexidade, vai passar por obras de melhoria da estrutura. O atendimento de casos mais graves continuará sendo feito.
A alternativa para os pacientes com menor gravidade é a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Zona Norte de Porto Alegre, inaugurada há duas semanas, na avenida Assis Brasil. Durante a tarde desta sexta-feira (12), 59 aguardavam atendimento. Conforme a direção, a média de espera é de quatro horas. "Sem atendimento, as pessoas não ficarão. A demora vai ter em razão de outros pacientes que chegam em situação mais grave", diz o coordenador da UPA, Alvarin Souza Severo.
A restrição do atendimento no Conceição preocupa médicos de outros hospitais publicos, como o Hospital de Clínicas. A emergência adulto tem 50 leitos, mas hoje à tarde havia 140 pacientes no local. Os médicos notaram aumento da procura por atendimento de quinta-feira (11) para esta sexta (12). O temor é que a situação piore no fim do feriadão.
"A população sai para o interior ou para o litoral e quando retorna, volta com as demandas já atrasadas. E a emergência acaba sendo a válvula de escape", diz Gerson Martins Pereira, chefe de plantão no Hospital de Clínicas.
A orientação aos pacientes é que casos mais simples sejam encaminhados para postos de saúde. Mas eles só vão reabrir na segunda-feira, depois do feriado.
Veja o artigo original no G1

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário, ele é muito importante!

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO