sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Policiamento é reforçado nas favelas do Jacarezinho e Manguinhos, no Rio





Comunidades devem ser ocupadas pela polícia no domingo (14).
Imagens exibidas pelo Bom Dia Brasil .

Policiais do Bope chegam em comboio na região das favelas do Jacarezinho e Manguinhos
(Foto: Reprodução/Globocop)

O policiamento foi reforçado por patrulhas da PM, na manhã desta sexta-feira (12), nas imediações das favelas do Jacarezinho e Manguinhos, no subúrbio do Rio. As duas comunidades, assim como as favelas Mandela e Varginha, na mesma região, devem ser ocupadas pela polícia neste domingo (14), para a futura instalação de Unidade de Polícia Pacificadora (UPP).


Embora durante o dia fossem vistos policiais abordando as pessoas e patrulhas circulando pelas ruas do entorno, a assessoria da PM negou o reforço do policiamento.

Policiais que fazem parte de um comboio do Batalhão de Operações Especiais (Bope) estavam realizando abordagens nos arredores das comunidades. Outros carros da PM ocupavam pontos estratégicos na região, como a Avenida Brasil, para a realização de blitzes.


Reportagem exibida nesta sexta-feira no Bom Dia Brasil mostra imagens do consumo e venda de crack no local, que abriga a maior cracolândia do Rio. (Veja reportagem no vídeo ao lado)

O conjunto de favelas composto por Jacarezinho, Manguinhos, Mandela e Varginha é também considerado pela polícia, atualmente, o local mais perigoso da cidade, e é dominado pela maior facção criminosa do Rio.

Segundo os batalhões da área, não há registro de operações policiais e nem de ocorrências, como prisões, apreensões de drogas ou armas e ou confronto com criminosos.

As favelas do Jacarezinho e Manguinhos são redutos de uma das maiores facções criminosas do Rio. Acredita-se traficantes desta facção tenham buscado refúgio na região depois que as favelas onde atuavam foram pacificadas.

O Disque-Denúncia divulgou a lista dos principais traficantes das favelas de Manguinhos e do Jacarezinho. Da lista constam dez nomes de criminosos ainda procurados pela polícia.

Acolhimento de usuários de crack
No início da manhã desta sexta, agentes da Secretaria municipal de Assistência Social (SMAS) realizaram uma ação que acolheu 11 pessoas na área conhecida como cracolândia, em Manguinhos.

O trabalho de acolhimento começou às 7h e foi realizado por 15 funcionários da SMAS, que informou que todos serão encaminhados para as unidades de abrigamento da Rede de Proteção Especial do município. Entre os 11 acolhidos, um era adolescente.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário, ele é muito importante!

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO