quinta-feira, 4 de outubro de 2012

RJ: equipes que fazem segurança de fiscais do TRE são atacadas





Membros das Forças Armadas, que estão ocupando favelas do Rio de Janeiro para garantir a segurança das equipes que fazem de propaganda irregular do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ) nesses locais, foram atacadas por traficantes da região nesta quinta-feira. Foram efetuados disparos de fuzil e lançamento de fogos de artifício quando os militares chegaram às comunidades Minha Deusa, em Sulacap, e Antares, em Santa Cruz, ambas dominadas pelo tráfico de drogas.

Nenhum militar foi atendido e os autores dos disparos não foram identificados. Na comunidade Minha Deusa, foram encontradas seis munições de fuzil calibre 5,56 mm dentro de um saco plástico após varredura no provável local dos disparos. Foi a primeira vez que as Forças Armadas foram alvo da ação dos traficantes desde que começaram o trabalho de prevenção em face do período eleitoral, que se estenderá até o final da tarde desta quinta-feira.

De acordo com o TRE, desde segunda-feira a quantidade de material de propaganda eleitoral irregular retirada das comunidades ocupadas pelo Exército e pela Marinha supera uma tonelada. As fiscalizações em regiões controladas por traficantes ou milicianos serão realizadas até sábado e englobarão 28 favelas no Rio de Janeiro e terão o acompanhamento das forças de segurança.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário, ele é muito importante!

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO