segunda-feira, 15 de outubro de 2012

SP: em saída temporária, preso mata técnico para roubar carro





Um apenado de 29 anos, que se encontrava em liberdade por conta da saída temporária do Dia das Crianças, foi preso em flagrante após confessar um latrocínio (roubo seguido de morte) em Presidente Prudente (SP). Sérgio da Silva Alves cumpria pena em regime semiaberto em São José do Rio Preto (SP).

O crime de latrocínio foi descoberto na manhã desta segunda-feira, quando policiais militares encontraram o corpo do técnico em eletrodomésticos Olten Aires da Silveira, 50 anos.

O corpo, encontrado às margens da rodovia Comendador Alberto Bonfiglioli, na zona oeste de Presidente Prudente, apresentava sinais de estrangulamento. Ele tinha um cinto de couro enrolado no pescoço. Uma das extremidades estava presa ao volante da carcaça de um automóvel Passat.

As investigações realizadas pela DIG (Delegacia de Investigações Gerais) da Polícia Civil elucidaram o caso depois que familiares de Olten registraram na polícia o desaparecimento dele. No registro, a filha informou que o pai havia saído de casa e levado o carro da família, um GM Corsa sedã azul.

Os dados do carro coincidiram com o mesmo apreendido em poder de Sérgio e um adolescente, quando os dois foram surpreendidos pela polícia praticando outro furto em uma marmoraria na avenida Celestino José Figueiredo, na Vila Comercial, na mesma cidade. Os dois carregando vários objetos, entre eles um monitor de computador, que levaram nas costas e colocaram no porta-malas do carro roubado.

Os dois foram abordados e confessaram a prática do furto. Sérgio afirmou que cumpria pena e estava de saída temporária e foi preso em flagrante, até então, pela prática do furto qualificado e corrupção de menores. O veículo foi apreendido.

De acordo com o delegado Márcio Farini Pirondi, da DIG, após a queixa do desaparecimento de Olten, a polícia ligou o fato ao veículo apreendido. "Voltamos a falar com o preso e ele contou que havia abordado a vítima em uma lanchonete. Eles passaram a conversar e Sérgio pediu a Olten que ele o levasse em seu carro para fazer um furto. A vítima, porém, teria recusado. Sérgio então entrou em luta corporal com Olten, arrancou-lhe o cinto que usou para enforcar a vítima e, depois, amarrou no volante do carro velho. Em seguida, tomou a chave do carro e fugiu levando o veículo", disse o delegado.

O adolescente confirmou o caso. Sérgio foi encaminhado para o CDP (Centro de Detenção Provisória) de Caiuá, onde vai permanecer à disposição da Justiça.

Por CÍCERO AFFONSO

Direto de Presidente Prudente


0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário, ele é muito importante!

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO