terça-feira, 16 de outubro de 2012

SP: grupo tenta assaltar joalheria de shopping e troca tiros com PM






Dois suspeitos foram presos após a polícia cercar o local e trocar tiros
Foto: Denny Cesare/Futura Press
Uma quadrilha formada por entre seis e dez homens invadiu uma joalheria no Shopping Galleria, Jardim Nilópolis, às margens da rodovia D. Pedro I, em Campinas (SP), no início da tarde desta terça-feira. O grupo rendeu vigias e fez vários disparos do lado de fora do shopping.

A Polícia Militar foi chamada e cercou as vias laterais. Dois homens suspeitos foram presos. Os funcionários que chegaram para o turno da tarde foram impedidos de entrar e os logistas fecharam as portas.

Um comerciante informou que a ação começou quando os suspeitos renderam os funcionários de uma joalheria. Ele falou ter visto um grupo de seis homens encapuzados armados subirem pelo elevador e acessar o segundo piso da área de alimentação. Depois, trancou a porta do estabelecimento e ouviu tiros.

Segundo a PM, ninguém saiu ferido por causa dos tiros e não houve disparos dentro do centro de compras. No entanto, a polícia confirma tiroteio do lado de fora, atingindo carros no estacionamento. Uma porta de vidro de uma loja na área externa foi estilhaçada. Houve correria e pessoas se deitaram no chão.

O helicóptero Águia da PM sobrevoou a região em busca dos suspeitos. A interdição das ruas laterais provocou congestionamento e alguns carros foram parados para averiguação. Também foi registrada lentidão na rodovia D. Pedro I por causa da curiosidade dos motoristas ao avistarem os carros da policias. Pelo menos dez viaturas circularam pelo local. A assessoria do shopping está apurando a situação e ainda não se manisfestou.

Armamento pesado
Segundo o capitão Alexandro Batista Leal, do 8º Batalhão da Policia Militar, a quadrilha já planejava assaltar a joalheria. "As armas têm grande potência. Eles estavam preparados. É provável que a quadrilha tenha mais elementos", disse o capitão.

Um dos homens levava um martelo e arrebentou a parede de vidro da loja e rendeu momentaneamente uma funcionária. A seguir, foram ouvidos disparos do lado de fora e houve pânico dentro do shopping. As pessoas começaram a correr e gritar.

Os tiros foram disparados assim que uma viatura que fazia a ronda se aproximou do shopping. Parte do grupo que fugiu estava em dois carros: um Gol prata e uma Fiorino branca.

De acordo com o capitão, os suspeitos começaram a pegar os objetos da joalheria e colocaram em uma sacola. "As imagens estão registradas nas câmeras de segurança", afirmou. Com a correria, os lojistas fecharam as portas.

Os dois suspeitos presos foram localizados escondidos dentro de uma loja. Eles se entregaram e não reagiram. Com eles, a polícia encontrou uma submetralhadora, uma pistola, munição e dois coletes à prova de balas.

ROSE MARY DE SOUZA - Direto de Campinas

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário, ele é muito importante!

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO