sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Alckmin diz que aumento da violência em SP é momentâneo




Brasília – O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, disse hoje (22) que a onda de violência no estado é momentânea e que está confiante no trabalho do novo secretário de Segurança, Fernando Grella. Ex-procurador-geral de Justiça, Grella tomou posse no cargo nesta quinta-feira (22) pela manhã.

“É momentâneo, é uma fase de enfrentamento do tráfico de droga e armas, mas é transitório. Nós temos absoluta confiança no trabalho do doutor Grella”, disse Alckmin, que compareceu nesta tarde à posse do ministro Joaquim Barbosa na presidência do STF.

Alckmin relativizou o aumento dos índices de violência, alegando que a taxa ainda está dentro da média nacional e dos padrões pregados pela Organização Mundial da Saúde. “São Paulo conquistou, ao longo dos últimos 12 anos, os melhores indicadores do país de criminalidade. Nós temos 10,5 homicídios por 100 mil habitantes, o Brasil tem 23”.

Perguntado se acha o número de mortes baixo, Alckmin disse que não acha “alto nem baixo”. “Estou só dizendo que São Paulo tem 10,5 [homicídios por 100 mil habitantes]. Se nós tivéssemos o índice do Brasil não seriam 12 [homicídios] por dia, seriam 30 por dia”.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário, ele é muito importante!

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO