quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Justiça transfere preso suspeito de mandar matar policiais militares em São Paulo




São Paulo -  A Justiça Federal de Porto Velho (RO) autorizou na noite desta quarta-feira o recebimento do preso Francisco Antonio Cesário da Silva, conhecido como “Piauí”, que cumpre pena na penitenciária paulista de Avaré. Ele é suspeito de mandar assassinar policiais militares em São Paulo.

O traficante cumpre pena por porte ilegal de arma, receptação, roubo, sequestro, falsidade ideológica e homicídio.

A transferência do traficante faz parte das medidas firmadas entre os governos federal e do estado de São Paulo para isolar as quadrilhas que agem dentro e fora dos presídios paulistas.

Os governos federal e estadual decidiram transferir todos os detentos que aparecem entre os responsáveis pelas mortes de policiais. Desde o início do ano, 90 policiais foram assassinados.

Durante operação na favela Paraisópolis, na capital paulista, foi encontrada uma lista com o nome de 40 policias militares e de dois policiais civis que deveriam ser executados. Essa lista, segundo a polícia, teria sido feita por Piauí.

Fonte: http://odia.ig.com.br

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário, ele é muito importante!

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO