quinta-feira, 22 de novembro de 2012

SP registra mais de mil assassinatos no ano e passa marca de 2011




O balanço divulgado nesta quarta-feira pela Secretaria de Segurança Pública de São Paulo revelou um panorama alarmante em relação aos assassinatos cometidos na capital paulista. Segundo o relatório, com as mortes registradas no mês de outubro, o número de homicídios dolosos na capital chega a 1.157 (incluindo os 22 casos de homicídios provocados por acidente de trânsito), passando o número geral de 2011, mesmo a dois meses do fim do ano.

No ano passado, 1.069 pessoas foram vítimas em homicídios dolosos em São Paulo. O mês de outubro, responsável pelo atingimento dessa marca, também foi o mais violento dos últimos dois anos. Ao todo, foram 176 assassinatos no período. Em 2011, o mês mais violento foi o de julho, quando 109 pessoas foram assassinadas.

Apesar da elevação do número anual de homicídios, o índice ainda está bem abaixo da pior marca registrada na década, em 2001, quando foram contabilizados 5.174 assassinatos na cidade.

Grande São Paulo

As estatísticas de aumento do número de mortes não se refletem nas cidades da Grande São Paulo que apresentam os piores índices de criminalidade, como Guarulhos, o segundo município mais da região metropolitana. Até outubro de 2011, a cidade havia registrado 171 mortes, contra 155 no mesmo período desse ano.

O mesmo acontece em São Bernardo do Campo, que registrou 64 mortes desde o começo de 2012 e, no ano passado, havia registrado 68 assassinatos no mesmo período. Terceiro lugar em número de homicídios dolosos em 2012, Osasco apresentou um pequeno aumento em relação ao ano passado, saindo de 68 casos para 69, sempre considerando os acidentes de trânsito.

Onda de violência

Desde o início do ano, ao menos 92 policiais foram assassinados no Estado. Desse total, 18 eram aposentados e três estavam em serviço. Além disso, o Estado continua a enfrentar um grande índice de violência. Segundo dados da Secretaria de Segurança Pública, só na capital houve um crescimento de 102,82% no número de pessoas vítimas de homicídio no mês de setembro, em comparação ao mesmo período do ano passado. Em todo o Estado, a alta foi de 26,71% no mesmo período.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário, ele é muito importante!

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO