sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Natalino, bombeiro em Vilhena, vira 'Papai Noel' de moto no fim do ano





Mãe de preso recebeu presente das mãos do 'bom velhinho'
Natalino é bombeiro, nasceu no Natal e se veste de 'Noel', em Vilhena.

O bombeiro militar Natalino Luiz é 'Papai Noel' há 23 anos 
(Foto: Andréia Machado/G1)

Natalino Luiz é sub-tenente do Corpo de Bombeiros em Vilhena (RO). Durante todo o ano, Natalino se dedica nas atividades da corporação, mas em dezembro, além do trabalho como bombeiro, o sub-tenente tem como missão alegrar crianças e adultos. Há 23 anos Natalino, que faz aniversário no dia 25 de dezembro, é ‘Papai Noel’. Entre tantas histórias vividas pelo Noel-bombeiro, está a de um presidiário que mandou uma cartinha pedindo uma cesta básica para a mãe.

“Eu fui entregar a cesta básica para a mãe do detento, um senhora já idosa. Ela se emocionou e pediu para que eu entregasse um presente para seu filho dentro da Casa de Detenção. Então fui até a prisão e entreguei o rapaz uma roupa que a mãe mandou. Todos os presidiários ficaram emocionados vendo a figura do ‘Papai Noel’ dentro do presídio realizando o sonho do rapaz”, conta Natalino.

O ‘Papai Noel’ de Vilhena é tão conhecido que a sede do Corpo de Bombeiros tem um espaço para receber as cartas enviadas para ‘Natalino Noel’. “Aqui eu recebo cartas com os mais variados pedidos desde brinquedos a tratamento odontológico”, diz.

Natalino conta que outra situação que o emocionou foi quando ele foi até o Hospital Regional Adamastor Teixeira de Oliveira entregar dois presentes na ala pediátrica. “Tinha duas crianças do abrigo de menores internadas, e quando elas me viram entrando começaram a chorar. Foi muito emocionante eu não resisti e também comecei a chorar ao entregar os presentes. As crianças disseram que não esperavam ganhar presentes porque estavam longe da família”, conta Natalino.

Após a atitude de Natalino, os funcionários do hospital começaram a realizar uma campanha todos os anos para presentear as crianças internadas.
Natalino bombeiro e Natalino 'Papai Noel' 
(Foto: Andréia Machado/G1)

“No começo eu apenas me vestia de Papai Noel e distribuía doces nos bairros carentes de Vilhena, mas, com o passar dos anos fui percebendo que as necessidades da população eram maiores então comecei a fazer campanhas de arrecadação de alimentos e roupas usadas, agasalhos para serem doadas no Natal”, explica Natalino.

Segundo Natalino, no ano passado ele distribuiu mais de 200 brinquedos e cerca de 800 cestas básicas. Para esse ano a expectativa é que esse número dobre. “Eu conto com a ajuda dos empresários e da população em geral para me ajudar a realizar os sonhos das crianças. As pessoas me procuram e adotam as cartinhas e juntos ajudamos crianças que a única coisa que têm são os sonhos”, diz, emocionado, o bombeiro.

Natalino faz aniversário no dia do Natal e garante que o melhor presente que recebe é alegrar crianças e suas famílias. “Quando vou andando no bairro com sirene ligada as crianças já sabem que o ‘Papai Noel’ está passando, daí eles vem correndo fazendo pedidos, é uma grande alegria”, afirma o bombeiro.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário, ele é muito importante!

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO