sábado, 2 de março de 2013

Bombeiros aprimoram técnicas de mergulho em águas escuras






Índice de afogamentos é preocupante na região do Juruá.
Bombeiros atendem cinco municípios banhados por mais de dez rios.


Genival Moura

Bombeiros participam de treinamento no Igarapé Preto, em Cruzeiro do Sul (Foto: Genival Moura/G1)

O balneário Igarapé Preto, localizado próximo ao Aeroporto Internacional de Cruzeiro do Sul (AC) foi o local escolhido para o treinamento de mergulho dos bombeiros que atuam na cidade. O objetivo da instrução é aprimorar técnicas de buscas submersas, para superar a falta de visibilidade nas águas turvas dos rios e igarapés da região. 
Segundo o comandante do Batalhão do Corpo de Bombeiros de Cruzeiro do Sul, major Marcelo Araújo, o aprimoramento dos mergulhadores faz parte do calendário de trabalho da corporação, mas ressalta que atualmente existe uma maior necessidade, devido ao número alto de afogamentos ocorridos na região. No ano passado, 12 pessoas morreram afogadas nos cinco municípios atendidos pelos bombeiros de Cruzeiro do Sul. Este ano, já são quatro vítimas.
“Temos que estar preparados tecnicamente e fisicamente, por isso, a nossa atividade requer muito esforço de cada um. Sem nenhuma visibilidade nesses rios, os nossos olhos são as mãos. Toda busca é feita através do tato”, explica o soldado bombeiro militar, Alisson Rogério da Silva.
O comandante da corporação garante que os bombeiros contam com os equipamentos necessários para buscas submersas. “Nós temos o equipamento autônomo e o outro em que o cilindro fica no barco. Estamos treinando aqui no igarapé de água preta, onde há poucos dias retiramos uma vítima e onde realmente mostra que visibilidade não existe nessas águas”, enfatiza o major, Marcelo Araújo.

Fonte: http://g1.globo.com

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário, ele é muito importante!

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO