quinta-feira, 28 de março de 2013

RJ: PM conclui inquérito de 11 policiais envolvidos em esquema de propina




A Corregedoria Interna da Polícia Militar (PM), concluiu nesta quarta-feira o inquérito que investigou a participação de 11 policiais do 7º Batalhão da PM, em São Gonçalo, na região metropolitana do Rio, de recebimento de propina de mototaxistas da comunidade do Jockey.

Um dos policiais militares foi preso em flagrante na sexta-feira pela equipe da 4ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar (DPJM) suspeito de comprar uma pistola ilegal. No carro em que ele estava também foram apreendidas 80 cápsulas de cocaína e material para embalar drogas. Os demais policiais foram indiciados por corrupção. Eles trabalhavam no Destacamento de Policiamento Ostensivo (DPO) e no setor de radiopatrulhamento da comunidade do Jockey.

De acordo com o corregedor da PM, coronel Waldyr Soares Filho, os policiais cobravam R$ 10 por semana de cada mototaxistas. Em troca, os policiais não abordavam mototaxista em situação irregular ou que circulava sem equipamentos de segurança. Quem se recusasse a pagar a propina era ameaçado pelo grupo e proibido de trabalhar na região.

"A partir da denúncia envolvendo os policiais do 7° Batalhão, passamos a monitorar. Foi aí que ficou constatado o indício forte de um esquema. Então, registramos o contato de policiais com mototaxistas. Também identificamos que o líder dos mototaxistas recolhia os valores e se dirigia ao DPO, onde tinha contato com os policiais envolvidos", disse o coronel.

Agência Brasil

Fonte: http://noticias.terra.com.br

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário, ele é muito importante!

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO