sexta-feira, 12 de abril de 2013

Cônsul do Brasil é encontrado morto






Corpo estava dentro da representação diplomática em Roterdã


BRASÍLIA O Ministério das Relações Exteriores confirmou ontem a morte do cônsul-geral adjunto do Brasil em Roterdã (Holanda), Alexandre Motta Barboza. Segundo o Itamaraty, ele foi encontrado morto na terça-feira dentro do consulado brasileiro. A causa da morte ainda está sob investigação e as informações estão sendo coletadas, informou o ministério. O Itamaraty não deu maiores detalhes sobre as circunstâncias da morte do diplomata.

No site do consulado, foi publicado ontem um texto que informa apenas que a representação diplomática está temporariamente fechada "por motivo de força maior". O consulado afirma que vai reabrir ao público na terça-feira da semana que vem e lamenta os inconvenientes gerados pela interrupção de suas atividades. Em caso de emergência, a orientação dada é ligar para o plantão de emergência do Itamaraty (06-5155-4836).

Antes de trabalhar em Roterdã, Alexandre Motta Barboza tinha passado pelo Consulado Geral de Córdoba (Argentina), pela embaixada em Trípoli (Líbia), e pelo Consulado Geral de Frankfurt (Alemanha). Segundo dados do Portal da Transparência, ele estava no serviço público desde 18 de janeiro de 1980.

Fonte: http://www.exercito.gov.br

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário, ele é muito importante!

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO